Tribunal Surdo - Violins

Eu comecei a ouvir o Violins a partir do Aurora Prisma, depois o Grandes Infiéis e agora o Tribunal Surdo.

Não sei se foi pensado, mas essa linha foi seguida da seguinte forma. O Aurora Prisma é apenas a inicialização do Violins para o publico brasileiro, depois o Grandes infiéis uma preparação para o que viria e então o Tribunal Surdo um grande soco na realidade que estamos acostumados.

Como é dito em Deliquente Belos (Primeira musica do cd) “Se cada um é um assassino sem coração, esperando pra rir, dentro de um camburão com sangue nas mãos” Sim… no albúm o mundo é bem cinza, assim como nos quadrinhos de Frank Miller.

Algo como tudo que é visto e sufocado por informações inutéis e eventos pseudo-educativos que no fim das contas é apenas mais um “tapa buraco”.

Na musica Campeão mundial de bater carteira faz uma critica forte ao jeitinho brasileiro “Todos te aplaudem quando a habilidade reina e em um golpe tão certeiro o professor leva a carteira…”

No Cd a critica está sempre implícita. Nada que você pare para ouvir e já veja um protesto estampado. Ouvir e entender Violins requer uma reflexão profunda de sua letra e pensamentos.

Tentar definir esse cd do Violins seria complicado, mas muito dizem que a banda é indie. O que apenas acho que seria o estilo da atitude da banda e não de seu estilo musical em sí.

Curioso pra conhecer a banda? Então, ouça as musicas do Violins baixadas de seu proprio site. E compre na monstro discos o CD Tribunal Surdo por apenas R$ 18,00.

PS: Com a “pausa” do Los Hermanos o Violins está sendo melhor que por encomenda.

Anúncios